Os primeiros dentes: incômodo e desconforto para os pequenos

Dentista
Foto: Kireyonok Yuliya/Freepik

Veja como aliviar desconforto do nascimento dos primeiros dentes.

Por volta do terceiro e quarto mês de vida os bebês começam a descobrir a boca e passam a sentir o nascimento dos dentinhos, o que provoca coceira e desconforto por causa das erupções formadas na gengiva. Com isso, colocam na boca tudo o que veem pela frente para aliviar esse incômodo.

Mas é importante ressaltar que isso não é regra. Não existe uma idade fixa para o nascimento dos dentes. Alguns crianças podem passar por isso nos primeiros meses de vida e outras após o primeiro ano.

Os primeiros dentes

O nascimento dos primeiros dentes pode trazer muito desconforto para os pequenos, que podem ter febre, dor na gengiva, irritabilidade e mau humor. Estes sintomas podem acontecer cerca de três e cinco dias antes do aparecimento do dente.

“Normalmente os primeiros dentinhos a erupcionar são os incisivos inferiores que podem trazer um inchaço da gengiva e algumas vezes o estado febril da criança. Algumas pomadas a base de camomila, por exemplo ajudam nessa fase”, explica o cirurgião dentista Giancarlo Zanoli Trentim.

Uma dica é usar os mordedores, que ajudam a amenizar a coceira, higienizar e estimular o movimento da mordida, além de garantir a segurança dos bebês, pois evitam que eles coloquem objetos não higienizados na boca e engulam ou se engasguem com itens de menor tamanho.

“Os mordedores foram criados exatamente para aliviar esse desconforto e também para auxiliar na higiene da gengiva e no desenvolvimento muscular da boca. Ajuda ainda no desenvolvimento do músculo da língua, da mastigação e da face. Os mais indicados são aqueles com água dentro, que ficam gelados e cumprem melhor suas funções. Outra utilidade do mordedor é incentivar o descobrimento de novas texturas, o que facilita a introdução alimentar”, explica a a odontopediatra Charlene Mem.

Mas porque os primeiros dentes são importantes?

Os primeiros dentes permitem o crescimento das estruturas faciais nos primeiros anos de vida. São eles ainda que reservam lugar para os dentes permanentes e serve de guia de erupção. Os dentes ajudam ainda no desenvolvimento da fonação e discurso claro.

Na nutrição a importância está na mastigação e trituração.

Primeira visita ao dentista

Muitos adultos têm verdadeiro pavor de dentista. Independente do motivo, para eles é uma verdadeira tortura visitar o consultório odontológico.

Para ajudar os seus filhos a ter uma boa experiência a dica é escolher um odontopediatra, ou seja, um especialista em atendimento infantil. A escolha é fundamental, pois o consultório estará preparado para ser um ambiente lúdico.

Os odontopediatras se aproximam do universo infantil com brinquedos, personagens de desenhos animados e principalmente usando uma linguagem simples e de fácil entendimento para os pequenos.

Conheça os dentes

Ao todo são 20 dentes, sendo 8 incisivos, 4 caninos e 8 molares  temporários, cujo o rompimento ocorre de maneira progressiva com cronologia bem definida. Cada dente tem sua função especifica:

  • incisivos: dentes frontais afiados em forma de cinzel (quatro superiores, quatro inferiores) para cortar os alimentos.
  • caninos: dentes com pontas agudas que rasgam os alimentos.
  • molares: trituram os alimentos, estes dentes possuem várias curvas e sulcos na superfície de mordida.

Agora que você viu que os benefícios do cuidado com a higiene bucal são importantes desde cedo, pesquise sobre os melhores profissionais de sua cidade, vale muito a indicação de mamães amigas.

Ah, uma dica de ouro é usar escovas e cremes dentais indicado para cada faixa etária e nunca use creme dental de adultos, pois o produto contém uma quantidade de flúor muito maior do que a indicada para os pequenos.

Acompanhe também as notícias do Maternidade Moderna no Facebook e no Instagram.

Voltar a página inicial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui