Confira dicas para vencer os ladrões do tempo e ter um dia mais produtivo

    Ladrões de Tempo
    Veja quem são os ladrões de tempo. Imagem ilustrativa.

    Ladrões do tempo drenam sua energia e te fazem viver ocupado e cansado.

    Você trabalha o dia inteiro e mesmo assim o sentimento é de que não rendeu nada? Para se tornar um profissional mais produtivo você não precisa cortar tempo de lazer, abrir mão do tempo com a sua família e nem reduzir horas de sono, e sim descobrir quem são e como vencer os seus ladrões de tempo.

    De acordo Raul Sindlinger, CEO e cofundador da Ummense.com a gestão eficiente do tempo e da produtividade começa com a eliminação da perda de tempo com coisas inúteis.

    Mas o que são coisas inúteis? Coisas que não são produtivas, nem relaxantes, nem divertidas, mas tomam preciosas horas do seu dia e te mantém ocupado impedindo de utilizar seu tempo para ter mais qualidade de vida. Olha só o que são atividades inúteis:

    dedicar de tempo a tarefas sem propósito
    não delegar ou centralizar todas as tarefas
    executar processos mal otimizados ou muito burocráticos
    ser interrompido durante a jornada do trabalho
    ser desorganizado
    se distrair com alertas de notificações das redes sociais
    ver e-mails e mensagens de WhatsApp toda hora

    “Estes são os ladrões do tempo, que drenam sua agenda e a energia do seu dia e te fazem viver ocupado e cansado, sem necessariamente ter resultados efetivos com isso”, ressalta o executivo.

    Mas tempo realmente é mesmo dinheiro?

    Você com certeza já ouviu falar que tempo é dinheiro. A frase é apenas uma tentativa de criar senso de urgência e precificar a perda de tempo.

    Mas essa visão coloca o dinheiro como propósito de vida e da existência das empresas, e isso pode ser muito negativo. É o que explica Sindlinger, “você pode escolher como viver os seus dias atuais e como ganhar mais tempo de vida a cada dia. Tempo não é apenas dinheiro, tempo é vida. Se para você tempo é dinheiro, corte horas de sono e de lazer. Se para você tempo é vida, então aproveite melhor as horas da sua vida”.

    E aí, como vencer os ladrões do tempo?

    Um dos principais ladrões de tempo, que vêm sempre disfarçado de ocupação e produtividade são as tarefas sem propósito.

    Não adianta nada fazer bem feito o que não precisa ser feito. Parecer ocupado e ficar cheio de tarefas correndo o dia todo com muitas atividades não resolve nada.

    Para acabar com esse ladrão do tempo pare para avaliar:

    Qual é o propósito do que você está fazendo?
    Como isso ajuda seu cliente?
    Como sua empresa ganha com isso?
    O que você ou sua equipe ganham com isso?

    “Cada tarefa ou cada projeto tem que estar alinhado com o propósito da sua empresa ou seu propósito pessoal, se não estiver, elimine da sua agenda”, comenta Raul.

    A falta de priorização e planejamento é outro ladrão do tempo que atrapalha muitas pessoas que acabam trabalhando muito tempo sem chegar a resultados efetivos.

    A tão reconhecida regra de Pareto, ou regra dos 80×20, nos alerta para esse problema e nos dá a solução. 80% dos esforços geram apenas 20% dos resultados e 20% dos esforços geram os outros 80% dos resultados. “Vale parar e olhar para suas tarefas e atividades e separar para atacar primeiro aquilo que vai gerar os 80% de resultado, não é mesmo?” questiona o executivo.

    Investir tempo e recursos em uma boa ferramenta de gestão de equipes e tarefas tem o potencial de multiplicar o tempo útil e potencializar os resultados exponencialmente.

    “Boas intenções e o efeito de discursos motivacionais não costumam durar mais de uma semana se a empresa não investir em uma ferramenta e que auxilie na organização e sistematização da produtividade. Através da Ummense, a empresa pode padronizar e otimizar processos, visualizar e gerenciar as tarefas e projetos, priorizar e delegar as atividades de forma fácil e eficiente, além de evitar reuniões desnecessárias e interrupções”, explica.

    Para vencer definitivamente os ladrões do tempo, Raul aconselha a começar fazendo perguntas para si mesmo, questionando continuamente o “por quê” de estar fazendo o que está fazendo e o “como” fazer para que este trabalho leve menos tempo ou atinja mais resultados.

    “Com essas respostas, defina o que irá mudar daqui para frente para que seus resultados sejam mais efetivos, e utilize uma boa ferramenta para gerenciar suas atividades e as atividades da sua equipe, para que esses resultados não fiquem apenas como uma boa intenção”, completa Raul. 

    Banner Comportamento

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui