Como ajudar os filhos nas tarefas escolares durante a quarentena

Lição de casa
Imagem de paperelements por Pixabay

Rotina é a palavra-chave para este
momento de quarentena.

Boa parte das empresas brasileiras já adotaram o home-office devido ao coronavírus. E isso vale também para as escolas, que têm enviado atividades para os alunos executarem em casa.

Tanto os pais quanto as mães estão diante de um dilema: como cumprir as tarefas profissionais e ainda ter tempo para ajudar os filhos durante a quarentena?

Para ajudar o Maternidade Moderna conversou com a Educadora Parental Telma  Abrahão e dá várias dicas para ter um tempo de qualidade com os pequenos, sem perder de vista as entregas profissionais.

Mas antes de darmos as dicas, é importante ressaltar que os pais precisam ter CONSISTÊNCIA. Não adianta fazer em um dia e no outro não, tem que ser consistente e agir da mesma forma todos os dias, até que o ambiente familiar esteja em completa harmonia.

Assim como as crianças, os pais precisam ter disciplina para que sirvam de exemplo para os filhos.

Atenção forçada

Muitos pais acabam dando atenção forçada aos pequenos, quando é solicitado pelos filhos, as vezes na forma de birra ou atitudes de desobediência para chamar a atenção.

Por isso é preciso dar atenção, demonstrar importância, para que a criança tenha o sentimento de pertencimento, de se sentir amada e querida em casa.

Também é fundamental estabelecer uma rotina com as crianças, determinando horário para comer, para tomar banho e para fazer as lições de casa. A rotina vai deixar as crianças mais tranquilas, pois elas saberão o que vai acontecer ao longo do dia, diminuindo a ansiedade e deixando as atividades diárias mais organizadas.

É difícil manter a rotina, mas é essencial para um melhor equilíbrio em família.

Reunião familiar

E mais uma dica importante, um pouco menos convencional, mas que traz muitos resultados: faça uma reunião com toda a família, uma vez por semana.

Este “encontro” é importante para falar sobre os desafios que precisam melhorar em casa, mas comece elogiando todas as coisas boas e certas que os filhos fizeram, isso o deixará feliz e calmo.

Em seguida cite os pontos de dificuldade, como por exemplo “filho você não está querendo fazer a lição, o que podemos fazer para melhorar isso?”, faça essa pergunta e o escute depois, deixe ele falar, isso traz uma proximidade muito grande.

“O principal objetivo dessa reunião é não ter brigas e nem ser um momento ruim, e sim um momento bom onde todos vão tomar as melhores decisões”, ressalta Telma.

Confira mais dicas para deixar o período de quarentena mais leve e produtivo:

– A lição de casa tem que ser feita em um lugar adequado, sem distrações, não deixe a criança no meio da sala, com irmãos brincando, televisão ligada, o correto é um lugar silencioso onde ele ficará focado.

– Providencie uma caixa que caiba todo o material da criança e deixe do lado dela, para que ela não precise levantar a toda hora para buscar um item específico. é importante ela entender que depois que ela sentar para começar a fazer a lição, ela só vai levantar depois de terminar!

– Não faça chantagem com os filhos, como por exemplo “se você não fizer a lição de casa você não vai brincar”, “se você não fizer a lição de casa você não vai mexer no celular”. Ao invés disso faça combinados, como uma questão de condição, exemplo “filho, assim que você terminar a lição de casa você pode brincar” ou “assim que você terminar você pode mexer no celular”, e cumpra esses combinados.

– Regras: as regras são muito importantes e fundamenteis, todos precisam cumprir as regras da casa, inclusive as crianças. Explique e dialogue de forma respeitosa para que os pequenos possam entender o que precisa ser cumprido.

– Não deixe a criança fazer a lição de casa à noite, pois ela vai estar cansada, indisposta, sem energia depois de um longo dia. Opte sempre por um momento em que a criança esteja com bastante energia e com capacidade de focar.

– Produtos eletrônicos como celular, tablet, podem ficar em um lugar específico, como uma “estação tecnológica”. Estabeleça horários e limites em que os filhos possam mexer nesses produtos eletrônicos. Quando não for a hora de usá-los, os aparelhos devem estar nesse lugar, principalmente na hora da lição de casa.

– O sono é fundamente para que a criança cresça mais saudável e esteja disposta a realizar suas tarefas. Procure cumprir sempre o tempo de sono adequado e necessário para cada idade, uma média básica é a seguinte: crianças de 3 a 6 anos de 10 à 12 horas por noite; de 7 a 12 anos de 10 à 11 horas por noite; e de 12 a 18 anos de 8 à 9 horas por noite.

– Entenda que a principal responsabilidade de fazer a lição de casa é da criança e não dos pais, explique isso, diga coisas como “filho, eu já aprendi, já estive na sua idade e já fiz a 4ª série, e você, se não fizer, como vai se explicar com a professora?”, faça a criança entender e saber lidar com as responsabilidades dela.

Acompanhe também as notícias do Maternidade Moderna no Facebook e no Instagram.

Voltar a página inicial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui